Blog Curves

Pelos no rosto normalmente são incômodos – a não ser que você não ligue para isso – e frequentemente buscamos novas técnicas para acabar com eles. Perfeito seria se nascêssemos sem eles, mas enquanto isso ainda não faz parte da nossa evolução, procuramos maneiras (de preferência baratas e definitivas) para acabar com os pelos.

A dermatologista Cristiana Blattner explica sobre o aparecimento de pelos: “Quem tem pelos no rosto, no abdômen em formato triangular, no tórax e na aréola geralmente são pessoas com problemas hormonais”.

Mulheres com síndrome do ovário policístico, por exemplo, frequentemente têm pelos na região próxima ao queixo e atraso na menstruação. Hipertireoidismo, problemas adrenais e suprarrenais também podem causar o crescimento de pelos no rosto. Uma curiosidade é que mulheres com descendência portuguesa ou árabe também costumam ter mais pelos faciais.

Um outro fator pode ser o excesso de produção de hormônio dentro do pelo. Nestes casos e alguns outros, são indicados também tratamentos via oral.

Por isso é sempre válido procurar um profissional para avaliar as possíveis causas do aparecimento nestas regiões.

Então, como eliminá-los?

“O tratamento mais indicado é com laser Alexandrite ou diodo porque eles destroem a região abaixo da saída do pelo, que é chamado de bulge, e impede que os pelos voltem a crescer”, explica Cristiana.

Durante a aplicação, estes tipos de laser atingem diretamente o pelo, enquanto um jato frio protege a pele, evitando queimaduras.

1307_saudeebemestar_blog

Quer uma boa notícia? Raspar os pelos com lâminas não faz com que eles cresçam mais grossos. Então, Curvete, se você ainda não pode recorrer a um tratamento a laser, a saída é mesmo raspar.

“É mito dizer que a lâmina é prejudicial. A única diferença é que ela não elimina definitivamente, ela apenas raspa os pelos aparentes”, comenta Cristiana.

Uma ótima saída para retardar o aparecimento dos pelos é o creme de Eflornitina. Não é um creme depilatório, mas com o tempo esse creme faz com que os pelos apareçam com intervalos maiores de tempo e você não precisa se preocupar tanto com esse incômodo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>