Blog Curves

CURVES_BANNER_BLOG_MARIA_LUCIA_GIULI_722X282PX

Em novembro de 2003, a Curves inaugurou a sua primeira unidade no Brasil. Ao todo, são quase 12 anos de conquistas, perdas (no sentido positivo) e histórias que emocionam e se tornam inesquecíveis para nós. A Maria Lucia, de 72 anos, é sócia da Curves Vila São Francisco, em São Paulo, desde 2005 e nesses dez anos de parceria, ela já mandou embora 25 quilos.

Aliás, nada melhor do que a própria Maria Lucia para contar tudo isso, né? Confira abaixo o depoimento dela!

“O suor escorre pelo rosto. Os joelhos tremem e não suportam mais a carga. Erguer um pacote do chão é uma tortura. Levantar da cama, caminhar até a padaria, fazer as compras, lavar a louça, estender a roupa ou passear no shopping viram suplícios diários, martírios cotidianos. O endocrinologista te olha com censura. Você se olha com censura. Começa a se questionar “por que não posso emagrecer?”. A culpa, a depressão, o desânimo. Tudo joga contra.

Até que uma dia minha sobrinha telefonou. A surpresa, um presente. Funcionária da Curves, ela paga a matrícula para eu começar os exercícios. E já se passaram dez anos desde então. Era março de 2005, mais precisamente dia 18, meu aniversário. Minha assiduidade é religiosa. Nestes nove anos, conheci diversos funcionários da Curves, tantas as colegas de sessões e muitos, muitos quilos perdidos. Sessões que só me fizeram bem na última década.

Hoje o suor que escorre pelo rosto é o da prática na academia. Os joelhos tremem só durante a carga de exercícios. Erguer um pacote do chão é fácil. Tenho ânimo para levantar da cama, lavar a louça, estender a roupa e passear no shopping. Até de fazer compras, aquela blusa que eu namorava e agora me serve. O endocrinologista elogiou. Não é mais um suplício diário. O martírio cotidiano é quando não há sessão na Curves.”

Maria Lucia L. de Giuli é sócia da unidade Vila São Francisco / São Paulo – SP

  • Gabriela Lourenção 13/08/2015 20:51

    Fico muito feliz em ver que um simples presente (pra mim, na época) foi tão significativo! Trabalhei em duas unidades Curves, acreditei no sistema e vi a possibilidade de levar uma qualidade de vida melhor para minha tia! Parabéns tia Lúcia, a senhora é uma guerreira! Bjs

    Responder

  • Dora Brum 27/08/2015 14:50

    Adorei o depoimento. Adoro a Curves. Já fui usuária dele e sei que realmente seu método funciona. Pena que hoje já não consiga me utilizar dele.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>