Blog Curves

A mamografia é um exame de imagem realizado nas mamas, como um raio X, considerado padrão ouro para detecção precoce do câncer de mama. Muitas mulheres deixam de fazer o exame para evitar dores e incômodos – fatores que mastologistas e radiologistas tentam desmitificar para o bem do exame e da população, já que essa doença afeta a maioria das mulheres em todo o mundo (saiba mais sobre a doença).

2610_saudeebemestar_blog

Quando fazer o exame?

A primeira mamografia deve ser feita aos 35 anos de idade, anualmente após os 40 anos e, para mulheres entre 50 e 69 anos, a indicação do Ministério da Saúde é de que seja realizada a cada dois anos para identificar o possível câncer antes do surgimento dos sintomas.

Caso a paciente seja diagnosticada como de alto risco para a doença, poderá iniciar o controle mais cedo. São consideradas mulheres de alto risco para a doença aquelas com um ou mais parentes de 1º grau (mãe, irmã ou filha) com câncer de mama antes dos 50 anos; um ou mais parentes de 1º grau com câncer de mama bilateral ou câncer de ovário; histórico familiar de câncer de mama masculino; lesão mamária proliferativa com atipia comprovada em biópsia.

Como é a mamografia?

A mulher fica posicionada em pé e próxima ao equipamento. O mamógrafo comprime as mamas horizontal e verticalmente. Embora seja um pouco desconfortável, o exame é rápido e a paciente pode retomar suas atividades de rotina logo após normalmente. Pacientes com próteses de silicone devem informar o médico antes da realização.

Para efetuar a mamografia, o uso de cremes, desodorantes, perfumes, talcos e etc., deve ser evitado para não prejudicar a captação das imagens. Por se tratar de um exame que utiliza raios X, sua realização também deve ser evitada durante o primeiro trimestre de gestação.

O Sistema Único de Saúde (SUS) garante a oferta gratuita de exame de mamografia para as mulheres brasileiras em todas as faixas etárias. A recomendação, por parte dos médicos, é que a avaliação seja feita antes dos 35 anos somente em casos específicos. Por isso, sempre realize o autoexame periodicamente (veja como fazer o autoexame).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>